Veículo baixado: qual o risco ao comprar seu carro usado?

Veículo baixado: qual o risco ao comprar seu carro usado?

Muitos compradores de carros desatentos são enganados todos os dias por simplesmente desconhecerem certas leis e procedimentos. Um dos exemplos disso é adquirir um veículo baixado.

No post de hoje, trouxemos informações para você não ser ludibriado na hora da aquisição de seu carro usado. Acompanhe!

O que é um veículo baixado?

Ele nada mais é do que um veículo que deveria estar fora de circulação, segundo a lei. Vamos citar um exemplo: um carro que se envolveu em um acidente e o seguro deu perda total não pode mais rodar, devendo seguir para o ferro velho como sucata ou para empresas cadastradas que vão vender suas partes não danificadas como peças de reposição.

O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) registra esse veículo no sistema como baixado.

Mas como esses veículos voltam a rodar?

Muitas concessionárias de origem duvidosa compram esses veículos, mandam para oficinas e com um baixo orçamento o colocam novamente para revenda, com preços iguais ou maiores do que um veículo que nunca foi danificado.

Por isso, a vistoria de transferência é muito importante. Contudo, em algumas cidades essa prática não é fiscalizada, colaborando muito para esse tipo de golpe.

Quais são os problemas ao se adquirir um veículo baixado?

Ao adquirir um veículo baixado, ainda que sem saber, poderá ter inúmeros problemas. Imagine se o seu carro for parado em uma blitz? Ocorrerá multa mais apreensão, idas e vindas à polícia, sem falar da perda do dinheiro investido.

Além disso, há grande possibilidade de que o carro tenha problemas sérios. Por mais que o veículo baixado tenha sido consertado, o motivo de ele sair de circulação tem a ver com uma estrutura comprometida, que pode trazer riscos para o motorista e terceiros.

Como evitar comprar um veículo baixado?

Para comprar seu carro usado, é imprescindível ter boas referências, principalmente se for adquirir por meio de uma loja. Além de todos os cuidados de sempre — como não adiantar dinheiro, por exemplo — é possível tomar as seguintes medidas:

  • Vistoriar o carro antes de fechar o negócio;
  • Não agir por impulso, comprando o carro antes de todas as verificações;
  • Verificar a quilometragem — se for muito alta, é um indício de que se deve tomar mais cuidado;
  • Consultar um mecânico para uma avaliação ou buscar ajuda de amigos e conhecidos que tenham conhecimento sobre carros;
  • Investigar a origem do carro antes de fechar a compra, fazendo uma consulta veicular completa.

É sempre bom ficar desconfiado com ofertas muito atraentes na hora de comprar seu carro usado. Em geral, a procedência não é das melhores quando existem condições de compra muito abaixo do mercado. Além de saber referências do local que vai vender o veículo, é imprescindível um mínimo de pesquisa sobre o histórico do carro para não cair em armadilhas.

A segurança do motorista, dos caronas e da família que andará no carro pode estar em jogo ao se adquirir um veículo baixado. Sem contar o investimento, que pode ser todo perdido, e os aborrecimentos de estar fora dos parâmetros legais.

Está pensando em comprar um carro usado? Quer verificar com segurança que não se tratará de um veículo baixado? Entre em contato conosco e mostraremos como fazer isso com tranquilidade!

Autor

O Carcheck é uma ferramenta que visa a segurança na negociação de veículos usados, permitindo ao consumidor analisar cuidadosamente vários indicadores de segurança além de toda a trajetória do veiculo desde o seu primeiro registro junto aos órgãos competentes(Detran, Denatran, Dnit, Financeiras e etc) até o dia da aquisição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *