Por que ter a manutenção em dia é tão importante na hora de vender um carro usado

Por que ter a manutenção em dia é tão importante na hora de vender um carro usado

Até ano passado, com os incentivos instituídos pelo Governo para fomentar a venda de carros zero, o mercado estava mais aquecido. Hoje, com um cenário econômico diferente, os carros usados voltam a ganhar visibilidade e tornam-se atrativos para quem busca um veículo.

Manter a manutenção de veículos em dia é a melhor forma de evitar riscos, dores de cabeça e até economizar. Um carro usado bem cuidado é bem valorizado na hora de vender, pois é um dos pontos que o comprador vai levar em consideração.

Deseja garantir que seu carro usado tenha um bom valor de revenda? Confira neste artigo como valorizar seu bem e fazer bons negócios!

Manutenção preventiva

Essa é a palavra de ordem no cuidado com o carro. Não leve ser carro para a oficina apenas se notar algo diferente.

Fazer as revisões programadas, realizar as trocas de óleo recomendadas e ficar atento ao manual é fundamental para garantir que seu carro funcione corretamente. Além disso, um comprador sentirá muito mais confiança em adquirir um veículo que passou por todas as revisões do que um que não tenha tido o mesmo cuidado.

Lataria

Provavelmente, o fator que mais impacta na hora da revenda é a lataria. Antes da parte mecânica, é a primeira coisa a ser vista.

O visual conta muito na hora de precificar um carro. O cuidado com a parte externa do seu veículo é fundamental: atenção na hora de estacionar, com os famosos “totozinhos”, na hora de abrir as portas e com os arranhões.

Se uma avaria aconteceu, não deixe o tempo passar e procure sempre realizar os reparos necessários com agilidade. Quanto mais o tempo passa, mais diferença dará na lataria na hora de arrumar o estrago, por menor que ele seja.

Atenção à oficina

O mais recomendado é sempre levar seu veículo às autorizadas. Por mais que você tenha um mecânico de confiança e o serviço fora delas seja mais barato, esta atitude garantirá que seu carro mantenha os padrões de fábrica.

Bateria

Alguns cuidados para garantir a durabilidade da bateria devem ser tomados. Um deles é só ligar o carro com todos os equipamentos desligados, como ar-condicionado, rádio e faróis, por exemplo, pois pode sobrecarregá-la e gerar problemas na partida. Elas têm vida útil e devem ser trocadas sempre pela marca recomendada pelo fabricante.

Vidros

Uma das coisas que mais chama atenção em um carro são os vidros, se estão riscados, trincados e se têm insulfilm. Cuidar dos vidros, deixando-os com aspectos de novos, vai valorizar o seu veículo.

Uma flanela macia e bons limpadores de para-brisa garantem que a limpeza fique melhor. De um modo geral, 5 anos é o tempo médio que uma pessoa fica com um carro.

Claro que existem exceções e é você quem deve ficar atento aos sinais para fazer a venda no melhor momento. Manter a manutenção de seu veículo em dia certamente irá te ajudar a não perder o valor no momento da revenda.

Também tem alguma dica para compartilhar? Como está a conservação e a manutenção do seu possante? Confira também o nosso artigo sobre os itens mais observados na hora de fazer um teste drive em carros usados!

 

Autor

O Carcheck é uma ferramenta que visa a segurança na negociação de veículos usados, permitindo ao consumidor analisar cuidadosamente vários indicadores de segurança além de toda a trajetória do veiculo desde o seu primeiro registro junto aos órgãos competentes(Detran, Denatran, Dnit, Financeiras e etc) até o dia da aquisição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *