Segurança no trânsito: 9 distrações que você deve evitar sempre

Segurança no trânsito: 9 distrações que você deve evitar sempre

As distrações ao volante são o principal motivo de acidentes em todo o mundo, causando inclusive mortes em diversos lugares. E, como você deve imaginar, a situação não é diferente no Brasil. Para mudar esse cenário, é muito importante fugir das distrações que aparecem e tiram a nossa atenção (seja na hora de dirigir, de pegar carona ou até mesmo de se locomover a pé).

Conheça as principais causas de desatenção e ajude a estabelecer a segurança no trânsito:

  1. Falar ao celular

Mexer no celular é uma distração e tanta – e, nesse caso, podemos englobar o falar, digitar mensagens, jogar ou se envolver com qualquer outra de suas funcionalidades. Sem perceber, acabamos totalmente entretidos e parcialmente desconectados do que nos cerca, o que pode ser um grande impulso para a desatenção e um acidente de trânsito. Seja dirigindo ou atravessando uma rua, essa distração deve ser evitada a todo custo!

  1. Configurar o GPS

Quando trafegamos por lugares desconhecidos, contamos sempre com a ajuda do GPS (seja o aparelho isolado ou acoplado ao telefone). O problema é que, enquanto configuramos o aparelho e colocamos o endereço, já ficamos desatentos com outros pontos que deveríamos observar. O ideal é configurar o GPS ainda estacionado, antes de ligar o carro, e só seguir caminho depois que já está tudo certo!

  1. Mexer no som do carro

Mudar a estação de rádio ou trocar de pendrive também pode parecer muito bobo, mas é suficiente para que você tire os olhos do volante por alguns instantes e se perca enquanto desempenha a outra atividade. Sempre que puder, se esforce para evitar isso e fazer as mudanças apenas quando estiver parado, em um semáforo ou antes de arrancar.

  1. Procurar algum objeto

Alguns objetos, como nossos celulares, carteiras ou óculos, acabam se perdendo ou caindo dentro do carro. Ao perceber isso, nosso instinto imediato é procurar onde o objeto caiu e tentar alcançá-lo. Nesse momento, muitas pessoas começam tatear o chão do veículo e acabam se distraindo do volante. Essa medida pode ser considerada imprudente, então é bom ficar de olho! Também é importante tomar cuidado ao procurar objetos que estão no porta-luvas ou em outros compartimentos do carro.

  1. Escutar música alta

Os barulhos vindos da rua e do trânsito podem ser de grande ajuda em casos em que você precise agir rapidamente para evitar algum acidente, auxiliando na hora de alertar ou indicar algum erro ou obstrução de caminho, por exemplo. Escutar música alta inibe esses outros sons, fazendo com que você trafegue sem essa ajuda extra e torne tudo mais difícil. Escutar música não é problema nenhum, mas é bom manter o som em um volume adequado para ainda conseguir se comunicar com o mundo exterior, especialmente no caso de pedestres que gostam de ouvir música com fones de ouvido.

  1. Conversar com outras pessoas

Essa distração é muito comum. Afinal de contas, sempre que estamos de carona ou oferecendo carona para alguém, nos esforçamos para socializar. Entretanto, é bom ter prudência nesse momento, pois essa é uma distração – principalmente se você fica se virando para falar com as pessoas do banco traseiro.

  1. Alimentar-se no veículo

A rotina agitada e o dia a dia corrido diminuíram o nosso tempo consideravelmente, tornando algumas adaptações necessárias. Uma muito comum é se alimentar enquanto dirige: tomando café da manhã, comendo um sanduíche ou ainda ingerindo líquidos. Além de distrair, eles podem entornar ou cair, provocando movimentos bruscos no carro e possíveis acidentes.

  1. Poluição visual das cidades

As cidades estão cheias de anúncios, outdoors, vitrines e vários outros recursos para chamar a nossa atenção. Essa “poluição urbana” também pode distrair tanto motoristas quanto pedestres ao atravessar a rua. Então, é bom ter um cuidado especial.

  1. Transportar animais no carro

Levar seu pet para passear ou ir ao veterinário pode ser um problema de distração quando você não toma os devidos cuidados. Os animais soltos tendem a ficar agitados e transitando pelo veículo, e isso pode ser causa de acidentes. Mas isso não significa que você tem que deixar seu bichinho em casa! Existem vários recursos para transportá-lo com segurança.

Sabendo quais são as principais causas de distração ao volante, bicicleta ou ao atravessar as ruas, fica bem mais fácil se prevenir e saber como se comportar com mais prudência no trânsito. Até mesmo porque, no fundo, o que todos querem é segurança.

Para difundir esse assunto e alertar seus amigos sobre a segurança no trânsito, aproveite para compartilhar este texto nas suas redes sociais!

 

Autor

O Carcheck é uma ferramenta que visa a segurança na negociação de veículos usados, permitindo ao consumidor analisar cuidadosamente vários indicadores de segurança além de toda a trajetória do veiculo desde o seu primeiro registro junto aos órgãos competentes(Detran, Denatran, Dnit, Financeiras e etc) até o dia da aquisição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *