Conheça as funções de cada filtro do carro e quando trocá-los

Conheça as funções de cada filtro do carro e quando trocá-los

Você sabe quais são as funções dos filtros de carro e quando devem ser trocados? Pois é, apesar de muitos não darem muita importância a eles, esses componentes são essenciais para a vida útil de alguns sistemas do veículo.

Sendo assim, para que você fique sabendo da importância dessas peças, resolvemos falar neste post sobre cada filtro do automóvel. Confira, a seguir, quais são as funções dos filtros do carro e quando devem ser efetuadas suas trocas.

Filtro do óleo

O óleo é como se fosse a corrente sanguínea do motor do carro e, por isso, deve estar sempre em excelentes condições de uso. Esse item, que tem por função lubrificar os componentes internos do motor, quando contém impurezas, acaba colocando em risco a sua vida útil, daí a importância do filtro de óleo.

Sendo assim, a função do filtro de óleo é evitar que sujeiras, como partículas de metal geradas pela fricção de elementos do motor, bem como aquelas geradas pela combustão, entrem em contato com algumas peças internas do motor, como pistões e comprometa, dessa forma, seu funcionamento.

Troca: o óleo deve ser mantido sempre limpo e por isso a troca periódica é essencial. Ela pode variar de 10 mil a 15 mil quilômetros. O filtro, por sua vez, deve ser trocado também com regularidade, a maioria dos especialistas sugere a troca simultânea com o óleo — tendo em vista que é uma peça razoavelmente barata e que muito interfere na vida útil do motor do carro.

Da mesma forma que é importante trocar o óleo e o filtro, é essencial escolher um óleo de boa qualidade e um bom filtro. Não pense na economia ao comprar esses itens, já que a qualidade de ambos conta muito também para a vida útil do motor.

Filtro de combustível

O filtro de combustível se localiza entre o tanque e o motor do veículo. Sua função é filtrar o combustível, evitando que impurezas, como ferrugem, água, poeira, entre outras, cheguem à bomba de combustível e aos bicos injetores, provocando entupimento.

Esse componente é utilizado em todos os motores movidos à combustão, sejam eles carburados ou à injeção eletrônica. Sendo assim, ele é responsável pela proteção de algumas peças, como carburadores, bicos de injeção — ou seja, componentes muito sensíveis que pertencem ao sistema de alimentação do combustível.

Troca: deve ser feita de acordo com os prazos recomendados pelo fabricante, que pode variar de acordo com a marca e o modelo do veículo. Assim, o consumidor deve ficar atento ao que orienta o manual do proprietário.

Filtro de ar

O filtro de ar tem a função de evitar que partículas de sujeira sejam aspiradas pelo motor. Dessa forma, ele garante que apenas ar livre de impurezas circule pelo motor e chegue à câmara de combustão do veículo.

A filtragem do ar evita o desgaste de algumas peças do motor do carro, como pistões e biela. A falta de manutenção desse componente, bem como deixar de trocar nos períodos recomendados, fazem com que o carro consuma mais combustível. O excesso de sujeira obriga o propulsor do carro a trabalhar com mais intensidade, ocorrendo, dessa forma, um gasto maior de combustível.

Troca: a validade do filtro deve ser verificada sempre de acordo com a última troca feita ou pela quilometragem. Pela quilometragem, essa troca pode ser feita aos 7500 km, visto que é o meio-termo — já que a duração do filtro em região urbana é de 10 000 quilômetros e 5000 em regiões rurais.

Filtro de ar-condicionado

O filtro do ar-condicionado tem as funções de filtrar o ar que entra para a cabine do automóvel e retirar odores desagradáveis.

Troca: o intervalo vai depender da forma que o motorista utiliza o carro. Existem motoristas que rodam pouco, já outros rodam muito e em engarrafamentos — situações em que o filtro tem uma duração bem menor. O ideal é que se faça uma avaliação periódica a cada 20 mil quilômetros rodados.

E você, o que achou deste post sobre as funções dos filtros do carro? Gostou? Continue, então, com sua visita ao nosso blog e leia também o artigo superinteressante: “6 dicas para evitar o superaquecimento do motor”!

Autor

O Carcheck é uma ferramenta que visa a segurança na negociação de veículos usados, permitindo ao consumidor analisar cuidadosamente vários indicadores de segurança além de toda a trajetória do veiculo desde o seu primeiro registro junto aos órgãos competentes(Detran, Denatran, Dnit, Financeiras e etc) até o dia da aquisição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *