7 cuidados essenciais para se ter na compra de um carro seminovo

7 cuidados essenciais para se ter na compra de um carro seminovo

A compra de um carro é um momento que requer muita atenção e paciência do comprador. Consumidores que apreciam carros e dão a devida importância a esse investimento, tomam todos os cuidados na compra de um seminovo e não se importam em perder algum tempo nessa pesquisa — que envolve desde a checagem da documentação até a análise da mecânica do veículo.

Apesar de algumas precauções serem essenciais nessa aquisição, existem vantagens, como preço mais baixo, valor do seguro mais em conta, menor desvalorização se comparado ao carro novo, entre outros.

Pensando nisso e para ajudar na sua escolha, resolvemos elencar alguns cuidados a serem tomados por quem deseja adquirir um usado! Vamos saber quais são eles? Acompanhe!

  1. Checar a documentação do veículo

A documentação é algo que merece total atenção no momento da compra de um seminovo. O documento apresentado precisa ser original e o comprador deve verificar o nome do proprietário, a placa, o número do chassi, entre outros.

A checagem do número do chassi é de extrema importância —  visto que carros roubados têm a gravação adulterada ou raspada. Compare o número do chassi, que fica próximo ao motor, nos vidros e na carroceria e verifique se ele bate com aquele que está no certificado do veículo.

A gravação original na chapa do carro deve ter as letras e números alinhados, com contornos uniformes e espaços regulares.

  1. Avaliar o estado geral do carro

Comprar um carro usado envolve riscos, principalmente para quem é leigo no assunto. Se você entende um pouquinho que seja de mecânica de carros, cheque os principais sistemas, como o de freios, suspensão, entre outros. Do contrário, uma boa sugestão é contar com a avaliação de um mecânico de confiança. Peça que ele o acompanhe em uma das visitas para que, se possível, dê uma checada por alto em alguns dos sistemas.

  1. Analisar o estado de conservação

Fazer uma análise do estado de conservação do veículo é fundamental para não errar na compra do carro usado. Tudo deve ser verificado: a pintura, o estado dos bancos e do estofamento, o desempenho do ar-condicionado, o console, o funcionamento dos vidros elétricos, os pneus, entre outros.

O comprador deve ter em mente que tudo que não estiver OK no ato da compra deverá ser bancado por ele depois. Por isso, essa análise é muito importante e nada deve ser esquecido.

  1. Pesquisar o histórico do veículo

Além de conferir a documentação do veículo, é importante consultar a situação do veículo junto ao Detran. Isso pode ser feito acessando-se o site do órgão. Dessa forma, é possível saber se existem débitos ainda não quitados, como multas, IPVA, DPVAT (seguro obrigatório). A prefeitura e o site da Secretaria da Fazenda também registram tais inadimplências dos contribuintes.

  1. Verificar o manual do proprietário

Uma boa forma de checar se todas revisões foram feitas no período correto é consultar o manual do proprietário. Com ele é possível saber se o carro recebeu os cuidados necessários. É onde encontramos todos os carimbos de todas as revisões feitas na concessionária.

  1. Checar a quilometragem

Observar alguns detalhes pode ser crucial para saber se o veículo é muito rodado. O principal deles é o que marca o odômetro, ou seja, a quilometragem. Ela nos dá uma ideia para sabermos o real desgaste do veículo.

No entanto o comprador deve ficar alerta —  pois vendedores de má-fé, muitas vezes, adulteram o equipamento para levarem vantagem na venda de um carro muito rodado.  Um boa forma de checar se o odômetro diz a verdade é avaliar o estado de alguns componentes do carro.

  1. Obter referências do vendedor

Como ocorre com qualquer outra compra, obter referências do local onde você deseja adquirir o carro é essencial para a sua tranquilidade. Por isso, o ideal é antes de comprar pelo primeiro anúncio que lhe chamou atenção, fazer pesquisas na internet, verificar se a loja ou concessionária é idônea. Evite agir por impulso!

E você, o que achou desse post sobre cuidados na compra de um seminovo? Gostou das nossas dicas? Compartilhe, então, esse texto em suas redes sociais e ajude seus amigos a se saírem bem na compra de um carro usado!

 

Autor

O Carcheck proporciona uma negociação mais segura na compra do veículo usado. Antes de fechar negócio, é possível analisar indicadores de segurança, informações de seguradoras, além das condições atuais e rodagem junto aos órgãos competentes. Com a consulta, você também se previne de problemas como débitos em financiamentos, além de eventuais irregularidades que possam existir no veículo consultado.

3 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *