4 dicas incríveis para lavar o carro em casa

4 dicas incríveis para lavar o carro em casa

Todo mundo sabe que ter um carro é um conforto e até um prazer, mas gera uma despesa grande no fim do mês. Então, cada economia que pudermos fazer ajuda na conta final, certo? Lavar o carro em casa é uma delas: além de gastar menos, você pode garantir o uso dos produtos e dos cuidados certos para proteger seu veículo.

Mesmo que você não seja um apaixonado por carros, o trabalho de lavar o seu pode ser até divertido (não custa tentar!). Neste post, separamos 4 dicas certeiras para ajudar você a lavar o carro por conta própria, com todos os cuidados para não estragar a lataria. Acompanhe a leitura!

  1. Utilize produtos de qualidade

Muitas vezes, acreditamos que um paninho e um detergente daqueles que usamos para a louça podem ser suficientes para a limpeza do carro. Mas, não se engane! Um bom shampoo automotivo é o ideal para que você evite manchas na lataria, afinal, recuperar o estrago sai muito mais caro!

Se não tiver uma lavadora de alta pressão, opte pelo balde com água e shampoo, usando um pano de microfibra ou uma esponja macia e umedecida. Para a secagem, a microfibra é o tecido certo, pois não solta fiapos.

Nos vidros, aplique um limpa-vidros com pano e seque com papel jornal para não deixar marcas. Fique atento aos produtos com amônia na composição, que podem ressecar as peças. Por fim, se o carro estiver sujo com piche ou com asfalto, use o querosene para a remoção desses produtos.

  1. Lave cada parte individualmente

Temos uma tendência a lavar o carro por inteiro de uma vez só: passar o sabão em tudo e depois retirar do veículo inteiro. Isso é um erro. Faça a limpeza toda por partes. Você pode começar, por exemplo, ensaboando o teto.

Logo em seguida, enxague. Faça o mesmo em uma lateral, depois na outra, no capô e assim por diante. Dessa forma, a lataria fica sempre molhada e você evita manchas e desperdício de água.

Outra dica: comece sempre de cima para baixo. Como as partes mais baixas do carro costumam concentrar a sujeira mais grossa, é melhor que ela fique para o fim.

  1. Dê atenção especial ao interior

O interior do veículo é o que costuma dar mais trabalho. Não há muito como escapar do aspirador de pó para retirar a sujeira dos tapetes, das dobradiças e da parte interna das portas. O shampoo automotivo pode ser usado, também, nos tapetes de borracha.

Fique atento às peças de plástico do painel e de todo o interior do veículo. Álcool e amônia podem ressecar o material. Você pode optar por passar uma camada de silicone após a limpeza para proteger contra o sol e a poeira.

Os assentos de couro devem receber uma dose de hidratante específico de tempos em tempos, também para não ressecar. Para os estofados de tecido, existem no mercado limpadores que ajudam a tirar a sujeira e as manchas.

  1. Faça o enceramento para dar brilho

Agora que já está tudo limpinho e perfumado, é hora de dar o toque final à lavagem de seu carro. Que tal dar um brilho à lataria? O processo de enceramento deve ser feito quando o carro estiver totalmente seco. Ficam de fora as partes de plástico e de borracha do veículo.

A cera deve ser usada em poucas quantidades e espalhada em movimentos circulares para dar o efeito que você deseja. Esse trabalho pode ser feito uma vez por mês.

Se você for um motorista cuidadoso, mas não daquele tipo que precisa ter o carro impecável, a lavagem pode ser feita a cada 15 dias. É importante que você faça esse trabalho evitando, ao máximo, o desperdício de água.

Se essas dicas sobre lavar o carro em casa tiverem sido úteis, que tal compartilhar nas redes sociais? Quem sabe algum deles se propõe a ajudá-lo nessa função?

Autor

O Carcheck proporciona uma negociação mais segura na compra do veículo usado. Antes de fechar negócio, é possível analisar indicadores de segurança, informações de seguradoras, além das condições atuais e rodagem junto aos órgãos competentes. Com a consulta, você também se previne de problemas como débitos em financiamentos, além de eventuais irregularidades que possam existir no veículo consultado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *